Fale Conosco

Chegou a hora de o deputado Anísio Maia acabar com essa conversa de pescador nas pescarias que faz toda vez que se depara com os jornalistas que cobrem a Assembleia Legislativa.

À beira de um ataque de nervos por não ter os bônus que a Secretaria da Pesca lhe garantia, fica ele indefeso com a derrota iminente por falar muito e trabalhar pouco o mandato.

Anísio está a serviço de quem? O que ofereceram a Anísio para ele botar gosto ruim na aliança PT/PMDB?

As perguntas estão todas respondidas pelo que escapa aqui e ali em fatos e fotos reveladoras. Ator canastrão, Anísio encenou uma ópera bufa no episódio do rodízio natural de lideranças.

Anísio é daqueles falastrões que não aguenta meia lauda sobre algumas verdades que manchariam sua biografia desbotada.

Episódios que se contados o farão renunciar ainda hoje, pois do contrário terá que responder por danos gravíssimos ao erário em sua passagem pela pescaria de votos custeados pelos cofres públicos.

Essa conversa de pescador de Anísio eu conheço desde o tempo em que animais sumiam na região de Solânea para virar carne de charque

Veterinário, Anísio faliu sua clínica por erros que um dia vou contar; Político, Anísio chegou a um mandato vendendo um peixe que não era seu.