Fale Conosco

O deputado federal Wilson Filho, do PMDB paraibano, quer a Câmara dos Deputados e o Conselho Nacional da Juventude colaborando ativamente com a preparação e a realização da XXVII Jornada Mundial da Juventude que vai ser realizada no Brasil em 2013. O anúncio sobre o local do evento foi feito pelo papa Bento XVI, neste domingo, 21, perante quase dois milhões de pessoas, em Madri, durante o encerramento da XXVI Jornada Mundial da Juventude.

Segundo Wilson Filho, “a importância de um evento como este, destinado à juventude, tem diversos significados para o Brasil, que vão desde as questões econômicas vinculadas ao seu tamanho (em Madri, neste domingo, havia quase dois milhões de jovens), até aquelas inclusive mais importantes que vinculam-se ao envolvimento da juventude com os fatos da religião e da família, afastando-a do envolvimento com as drogas, por exemplo”.

Após o anúncio feito pelo papa, os jovens da Espanha entregaram aos do Brasil a Cruz das Jornadas Mundiais da Juventude, entregue pela primeira vez pelo então papa João Paulo II em 1984, para ser levada por todo o mundo. Desde então, foram realizadas jornadas em Roma (1985), Buenos Aires (1987), Santiago de Compostela (Espanha, 1989), Czestochowa (Polônia, em 1991), Denver (Estados Unidos, em 1993), Manila (1995), Paris (1997), Roma novamente (no Jubileu, 2000), Toronto (2002), Colônia (Alemanha, 2005), Sydney (Austrália, 2008) e, por fim, Madri neste ano.

Segundo avaliam as autoridades do Rio de Janeiro, o evento no Rio de Janeiro pode reunir cerda de quatro milhões de pessoas, que levam em conta o tamanho do Brasil e da “fé de nosso povo” e de outros países latino-americanos, fazendo com que as autoridades brasileiras imaginem que a JMJ receberá mais público que a Copa do Mundo.