Fale Conosco

O baiano de 73 anos, autor de “Sargento Getúlio”, “Viva o Povo Brasileiro” entre outros, morreu nesta manhã, vítima de embolia pulmonar.

Deixando o legado de uma literatura genuinamente brasileira, tornou-se leitura obrigatória a quem quer, de fato, compreender a alma brasileira.

Formado em direito, jamais exerceu a profissão e, ao longo de sua vida profissional, trabalhou em vários jornais do Brasil e do exterior. Entre eles estão o Jornal da Bahia, Folha de São Paulo, o Frankfurter Rundschau da Alemanha e o The Times Literary Supplement da Inglaterra.

Ocupante da cadeira número 34 da Academia Brasileira de Letras, participaria da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, em agosto próximo.  Sua ironia peculiar, independência e liberdade de opinião, sempre caracterizaram a vida e o trabalho deste brasileiro nordestino.

Viva João Ubaldo Ribeiro.