Fale Conosco

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), em sessão realizada na tarde desta quinta-feira (16), julgou improcedente a ação do Ministério Público Eleitoral em desfavor do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB).

O gestor foi denunciado por suposta conduta vedada, quando, na eleição de 2014, a professora Gerente de Ensino da 13ª região (Princesa Isabel), Nininha Lucena, irmã do corregedor da Procuradoria de Justiça do Estado, Tião Lucena, teria coagido prestadores de serviços a apoiar a reeleição do governador com ameaças de perda de emprego.

 

Fonte:Wscom