Fale Conosco

EXCLUSIVO – Tenho dito aqui que o governador Ricardo Coutinho só gosta do que ilegal, imoral ou engorda. As vezes quando o dia amanhece digo a mim mesmo que o governador não cometerá nem um ato falho no dia e este blog não terá que estampá-lo mais uma vez na manchete.

Por exemplo, notei que o governo não tem deixado circular o Diário Oficial dos dias 30 e 31 d dezembro.

O que querem esconder do público? Qual será a safadeza que Nonato Bandeira pediu para manter debaixo do tapete?

Por falar nele, Nonato podia ter começado o ano de 2012 sem conceder aquela entrevista ao Conexão Master, onde realimentou a fogueira de especulações acerca dos boatos de que foi ele quem pediu a cabeça do jornalista Helder Moura.

Voltando ao sumiço do Diário Oficial, sua última edição circulou  no dia 29 de dezembro, sob o número 14.826.

Deram um chá de sumiço nas edições 14.827, de 30/12, e na 12.828, de 31/12.

Ninguém aqui é bestinha e sabemos que alguma ou muita coisa o Governo quer manter na surdina e por isso o Diário Oficial destas datas escafedeu-se.

Suspeito que o Governo vai usar esses dois diários para publicar atos de 2012 com data retroativa a 2011.

ATENÇÃO: quem tem publicação para sair nessas edições, em 2012, com datas de 2011, fiquem atentos – não tem amparo legal. Pois, pelo principio da publicidade, art. 37, da Constituição Federal, tem que sair na edição de 2011, para ter valor legal.

COM A PALAVRA O MINISTÉRIO PUBLICO, TRIBUNAL DE CONTAS, TRIBUNAL DE JUSTIÇA.

Certamente, todos estes órgãos tem matérias a ser publicadas no DOE, dessas datas.