Fale Conosco

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) iniciará, nesta terça-feira (26), a aplicação de testes de Covid-19 em estudantes, professores e funcionários da instituição. Os exames de transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase (RT-PCR) serão realizados na Sala de Testagem da Covid-19, instalada no Centro de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN), no campus I, em João Pessoa. 

O serviço está disponível apenas para quem estiver entre o 3º e o 7º dia de sintomas da doença, estiver em atividade presencial e passar pela triagem da universidade. A capacidade de realização dos testes pela UFPB é limitada a 20 exames RT-PCR por dia. As pessoas que preencham esses requisitos podem solicitar uma consulta médica, por meio de link disponível no site da Comissão de Biossegurança da UFPB. O atendimento acontece das 8h às 12h por enfermeiras e técnicas de Enfermagem da UFPB. Os resultados devem ser divulgados em até 48 horas e os pacientes devem receber o resultado pelo e-mail informado no formulário de teleatendimento.

É necessário preencher um formulário de identificação, com dados do usuário e declaração de que realmente se encontra em atividade presencial. A consulta acontece por teleatendimento e o médico vai informar sobre a necessidade do teste, de forma que não serão aceitas requisições médicas externas para a realização do exame.

Aqueles que têm o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), devem informar no ato de preenchimento do formulário para solicitação de teleatendimento e apresentá-lo no atendimento presencial, na Sala de Testagem.

Em caso de docente ou técnico, é necessário apresentar documento de comprovação do órgão onde está lotado no dia do exame. Para alunos matriculados no semestre que terá início em março, é preciso apresentar o comprovante de matrícula. Já para aluno em atividade de pesquisa presencial, é preciso levar uma declaração do orientador.

A análise das amostras colhidas vão para um dos três laboratórios da universidade destinados a esse fim: Laboratório de Vigilância Molecular, da Escola Técnica de Saúde, Laboratório de Biologia Molecular, do Centro de Ciências Médicas e o Laboratório de Endemias, do Núcleo de Medicina Tropical. Em conjunto, eles contribuem com cerca de 180 a 200 análises por dia.

Dúvidas podem ser enviadas pelo e-mail [email protected] ou pelo chat disponível no site da Comissão de Biossegurança.

G1 Paraíba