Fale Conosco

Apesar de não atuar na pasta de Cultura, a pré-candidata a prefeita de Campina Grande Tatiana Medeiros, durante entrevista na Rainha da Borborema, destacou o descaso com o patrimônio cultural da Paraíba. Tatiana garantiu que o São João de Campina foi internacionalizado na gestão do PMDB e foi incluído no calendário de visitas da Copa em 2014 graças aos esforços da prefeitura.

Desde que Ricardo Coutinho assumiu o Governo do Estado, o maior evento junino do Brasil, realizado em Campina, não recebeu nenhum investimento. Contudo, de acordo com Tatiana o prefeito Veneziano reuniu todos os esforços para que o evento não perdesse sua magnitude.

“O São João foi internacionalizado nessa gestão, ele consta no calendário de visitas da  copa de 2014. É o único evento turístico de São João a ser visitado , de acordo com o calendário. Caruaru está lá, mas só vai ser visitada a feira de Caruaru”, afirmou Tatiana.

A pré-candidata, que ainda está na gestão da Secretaria de Saúde, enfatizou as mudanças que Campina Grande tem assistido desde o início da administração do PMDB: “Só não vê o que Campina Grande era e o que Campina Grande é hoje quem não quer. Posso citar um exemplo da pasta da Saúde, na qual os profissionais médicos, enfermeiros e etc. eram contratados pelas SABs e agora temos um plano de cargos e carreiras para os profissionais de saúde, agora votado e sancionado para ser implantado”, assegurou.

Tatiana disse que está confiante no voto dos campinenses e na vitória desse projeto, justificados pelo trabalho apresentado à Campina: “Eu não estou me habilitando para dizer o que vou fazer, eu já estou fazendo, a diferença é essa. Eu não estou entrando nesse projeto pela janela. Eu sedimentei minha história com meu trabalho”.

Apesar de não ter uma carreira política, Tatiana disse que a carreira na medicina é semelhante ao desafio de um político:  “A vida um médico é parecida com a vida de um político porque nós não temos horário, não temos descanso, nós não temos final de semana nem feriado. Acordo todo dia as 5 da manhã e estou indo dormir as 2h para dar conta de todas as atividades”,  finalizou a secretária ponderando que não terá de modificar sua rotina para assumir compromissos eleitorais.