Notícias

Suplan recebe 95% dos recursos para Hospital de Santa Rita e obra está parada

O governador Ricardo Coutinho tem promovido intensa propaganda em torno do Hospital Metropolitano de Santa Rita. Quando anunciou o início das obras, em janeiro de 2014, o governador prometia entregar o hospital em 450 dias, ou seja, até junho de 2015. Mas, quem passa pelo canteiro, tem a clara impressão que a obra sequer começou.

Porém, apesar das obras estarem visivelmente paralisadas, o Governo do Estado já recebeu quase 95% dos recursos já foram liberados pelo Ministério da Saúde, como parte do convênio com o Governo Federal. Pode não ter muito a ver com a denúncia de recursos da Suplan, conforme denúncia da ex-secretária Aracilba Rocha, mas faz meditar.

Como anunciado pelo governador, no início do ano, as obras seriam administradas pela Suplan. Segundo um dos operários que ainda permanecem no canteiro, “os trabalhos estão parados, porque a empresa não tem recebido os pagamentos por parte do Governo do Estado”. Essa é, segundo levantamento realizado no Estado, uma das mais de 250 obras que se encontram paralisadas.

Repasse – Desde dezembro de 2013, conforme documentos do Portal da Transparência (imagens abaixo), o Governo Federal promoveu a transferência do repasse no valor de R$ 20 milhões, da parte do Ministério da Saúde, que representa em torno de 95% do total reservado para o Governo Federal. Houve outra parte, no valor de R$ 43 milhões, mediante empréstimo da Caixa Econômica Federal, que assinou o convênio com o Governo do Estado, desde janeiro de 2014.

HospitalSantaRitaPag

HospitalSantaRitaPortal

BHM