Fale Conosco

Se nem o STF deu prosseguimento a denúncia vazia do delator premiado pela PMCG, RennanTrajano, e arquivou o pedido de investigação que havia contra o deputado federal Veneziano, para que serve afinal a CPI da Última Bala, instalada na Câmara de Vereadores de Campina com objetivos eleitorais?

Serve de palanque para as presepadas do paladino de araque João Dantas, serve para a mídia que depende da verba de comunicação da Prefeitura de Campina pagar a folha, e uns fazerem a feira, serve para Romero acalmar os correligionários com o argumento de que Veneziano não será candidato. Só serve para isso.

Rennan Trajano já tentou de todas as maneiras macular o ex-prefeito Veneziano por ele não ter cedido as suas chantagens e ter se negado a usar dinheiro público para cobrir os empréstimos que ele fez sem combinar com ninguém quando foi tesoureiro da campanha de Tatiana.

QUE TAL UMA CPI DAS PLACAS? Se a CPI quer quebrar o sigilo bancário de alguém, que quebre o da empresa do filho do vereador João Dantas, que todo mundo sabe que monopoliza a confecção de placas e adesivos como fornecedor privilegiado da Prefeitura de Campina Grande.

INSERÇÕES DO PMDB – Ontem a noite as inserções do PMDB trouxeram Veneziano e seu legado à tela de todas as emissoras de TV. Some-se a essa exposição positiva a agenda negativa que tentam lhe impor e chegaremos à conclusão que Veneziano passa por um período de superexposição na mídia e isso é muito ruim para Romero.