Fale Conosco

A socialite e funkeira Heloísa Worms Pinto, de 46 anos, conhecida como Heloísa Faissol, que participou do reality show “A fazenda”, foi encontrada morta na tarde desta quinta-feira no apartamento em que morava, na Rua Souza Lima, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. A causa da morte ainda não foi divulgada pela Polícia Civil. O caso será investigado pela 13ª DP (Copacabana). O corpo foi recolhido para o Instituto Médico Legal (IML).

Segundo informações de policiais civis que estiveram no apartamento, Heloísa estava na cozinha. O corpo da socialite foi encontrada pelo filho, de 19 anos. Peritos fizeram uma análise inicial no local. Parentes da socialite estiveram na 13ª DP. Todos estão muito abalados.

Em nota, a assessoria de impresa da Polícia Civil informou que um inquérito foi aberto para que as circunstâncias da morte de Heloísa sejam invetigadas:

“Um procedimento foi instaurado na 13ª Delegacia de Polícia (Ipanema) para apurar a morte de Heloísa Worms Pinto, 46 anos, cujo corpo foi encontrado ontem à tarde em um apartamento localizado na Rua Sousa Lima, Copacabana. Perícia foi realizada no local e diligências estão em andamento para esclarecer todas as circunstâncias do ocorrido. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para determinar a causa da morte”.

Fama após virar cantora

De classe média alta, Heloísa ficou famosa ao virar cantora de funk e organizar festas no Morro da Babilônia, na Zona Sul do Rio. Ela chegou a adotar o nome “Helô Quebra-mansão”, em homenagem à também funkeira Tati Quebra-barraco. Heloísa participou da 7ª edição do reality show “A Fazenda”, em 2014, quando ficou entre os três finalistas.

Fonte:Extra