Notícias

Servidores da UFPB anunciam paralisação de 48h como manifestação à reforma administrativa de Bolsonaro

Os servidores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) decretaram na manhã desta terça-feira (26), uma paralisação de 48h contra a reforma administrativa do governo Bolsonaro. A greve da classe começou na manhã desta terça, com um café da manhã e panfletagem na entrada do Centro de Ciências Humanas Letras e Artes (CCHLA) da UFPB. 

Foram distribuídos panfletos e intervenções com carro de som. Nesta terça acontece ainda uma plenária, a partir das 14h, para discutir a organização de um Fórum Estadual em Defesa do Serviço Público, com palestra do professor do Departamento de Serviço Social e diretor da Associação dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (Adufpb), Marcelo Siticovski, sobre a Reforma Adminstrativa.

A adesão à paralisação nacional foi aprovada em Assembleia Geral realizada na última quinta-feira (21). A greve de 48h foi convocada pela direção nacional da Federação dos Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra).

Tags: Tags: