Fale Conosco

O plenário do Senado Federal aprovou nesta terça-feira (20), por unanimidade, iniciativa do senador Cícero Lucena (PSDB-PB) para a criação da Comissão Temporária Externa destinada a acompanhar às obras de transposição das águas do Rio São Francisco.

A Comissão será composta por dez senadores e tem por objetivo principal acompanhar todos os atos, fatos relevantes, normas e procedimentos referentes às obras, bem como a realização de audiências públicas e diligências externas.

-Meu sonho desde há época de ministro foi levar a água do São Francisco para matar a sede dos paraibanos do semi-árido, posteriormente, a água que entra na Paraíba por Monteiro e segue até o reservatório de Boqueirão poderá beneficiar até João Pessoa, através do sistema adutor de Acauã, projetou Cícero Lucena.

Para o senador tucano é conveniente que o Senado Federal acompanhe de perto a questão, resguardando os interesses dos Estados e da sociedade brasileira. “Essa é a contribuição do Senado, sobretudo por conta dos últimos fatos que apontam lentidão nas obras e um elevado reajuste. É preciso fiscalizar”, defendeu Cícero.

O Jornal Folha São Paulo apontou reajuste no projeto, que inicialmente era orçado em R$ 4,6 bilhões, agora custa 77,8% mais caro: R$ 8,18 bilhões, de acordo com o relatório do Ministério do Planejamento. Diante da estimativa anterior de R$ 6,85 bilhões, feita em 2011, o reajuste é de 19,4%.