Fale Conosco

O Ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, acaba de entregar o pedido de demissão do cargo. Não é de se estranhar essa atitude de Palocci, pela segunda vez, a primeira foi no Governo do ex-presidente Lula,  “derrubaram” o Ministro.

Se há irregularidades ele não quis continuar insistindo em ficar no cargo para que não descubram, mas a Câmara dos Deputados, ainda assim, quer que Palocci compareça à sessão especial para explicar os motivos da multiplicação dos bens do, agora, ex-ministro em 20 vezes entre 2006 e 2010.

Nem a Presidenta estranhou, já havia rumores desde a semana passada de que Dilma já conversava e procurava um substituto ou substituta para Palocci. No caso, de acordo com uma colunista do jornal “Folha de S. Paulo” a sucessora será a senadora petista Gleisi Hoffmann (PT-PR).

Leia abaixo a nota divulgada pela Casa Civil do Governo Federal:

“O ministro Antonio Palocci entregou, nesta tarde, carta à presidenta Dilma Rousseff solicitando o seu afastamento do governo.

O ministro considera que a robusta manifestação do Procurador Geral da República confirma a legalidade e a retidão de suas atividades profissionais no período recente, bem como a inexistência de qualquer fundamento, ainda que mínimo, nas alegações apresentadas sobre sua conduta.

Considera, entretanto, que a continuidade do embate político poderia prejudicar suas atribuições no governo. Diante disso, preferiu solicitar seu afastamento.”