Fale Conosco

Após os Ministérios Público Estadual e Federal receberem mais de 50 denúncias de fura-filas na vacinação contra a Covid-19, sendo duas delas registradas em Patos, o secretário de Saúde do município, Segundo Brito, falou sobre as acusações registradas.

De acordo como secretário, as denúncias foram feitas de forma genérica, sem identificação de nomes dos possíveis “furadores”. A queixa vem do Hospital Infantil de Patos, onde pessoas que não trabalham na linha de frente no combate à infecção pelo novo coronavírus e até mesmo um funcionário aposentado da unidade de saúde teriam se vacinado.

Segundo Brito afirma que a prefeitura está fazendo um novo levantamento da lista de vacinados, conferindo as assinaturas e a condição de cada pessoa imunizada na cidade.

Ele ainda considerou como importante que a população continue informando sobre qualquer atitude suspeita, para que seja apurada e, se existir culpados, que sejam punidos.

Ouça a declaração de Segundo Brito na íntegra: