Fale Conosco

O secretário-executivo da Fazenda do Estado da Paraíba, Bruno Frade, se reúne nesta terça-feira (3) com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, para discutir o Plano de Imunização nacional. De acordo com o adiantado pelo próprio parlamentar, na pauta estarão o financiamento e as regras de vacinação para o coronavírus.

Ontem (2), Maia propôs que o Congresso e o governo federal construam, conjuntamente, uma proposta legal estabelecendo restrições a quem se negar a tomar a vacina contra a covid-19 que venha a ser aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Maia não se manifestou favorável à obrigatoriedade, mas disse ser possível pensar em medidas que desestimulem as pessoas a deixarem de tomar a vacina que for aprovada pela Anvisa. “Este debate sobre obrigatoriedade tem que ser feito com todo cuidado. Tem alguns caminhos com os quais não é preciso obrigar, mas [pode-se] restringir o acesso a alguns equipamentos públicos”, disse Maia, citando o exemplo de países que proíbem que crianças não vacinadas contra outras doenças frequentem escolas.