Fale Conosco

Brasília – O deputado federal Ruy Carneiro conduziu na tarde desta terça-feira (03) mais um debate sobre a Medida Provisória que cria o programa Médicos pelo Brasil. A iniciativa do Governo Federal vai contratar 18 mil médicos para atuar em todas as regiões do País, com foco maior nas regiões Norte e Nordeste. Ruy é presidente da Comissão que debate a proposta no Congresso Nacional.

Na tarde de hoje, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, falou sobre a participação do MEC nos critérios de admissão ao programa de médicos estrangeiros ou de médicos brasileiros formados no Exterior.

Na audiência, o ministro anunciou que para garantir a participação de profissionais de saúde qualificados para atender à população o MEC vai realizar a prova do Revalida duas vezes ao ano.

“O Revalida é o grande instrumento de controle do padrão de qualidade do atendimento médico. Porém, desde 2017 não se realiza uma prova do Revalida no Brasil. Ter o ministro garantindo aqui na Comissão que essa prova vai voltar e ser realizada duas vezes ao ano pode ser considerado uma grande conquista do programa Médicos pelo Brasil”, comemora o parlamentar paraibano.

Cubanos e mais diálogo – Antes da audiência no Congresso, Ruy esteve no Ministério da Saúde para uma reunião com o ministro Luiz Henrique Mandetta e representantes dos médicos cubanos que querem ingressar no Médicos pelo Brasil. Nesta quarta-feira (04), o assunto será debatido em mais uma audiência pública presidida por Ruy.