Fale Conosco

Senador Vital afirma que governador fechou as portas para  Campina Grande na gestão de Vené
O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) voltou a cutucar com vara curta o governador Ricardo Coutinho (PSB). “Ele (Ricardo) foi  mesquinho e tratou Campina Grande na gestão do prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) e a abandonou Campina só porque o prefeito fazia parte de partido que lhe faz oposição”

Vital do Rêgo lembra que nos últimos dois anos,Ricardo Coutinho fechou as portas para Campina Grande, não realizando qualquer investimento na cidade, além de ter se recusado a patrocinar o Maior São João do Mundo.

O peemedebista disse ainda que por conta do abandono do governo do Estado, Veneziano teve que buscar parcerias com o governo federal, além de contar com as emendas da deputada Nilda Gondim e do próprio senador Vital.

O parlamentar estranhou o fato do chefe do Executivo paraibano marcar uma audiência com Romero já no primeiro dia da nova gestão, o que não fez ao longo dos últimos dois anos.

Segundo Vital, o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital solicitou várias  audiência ao governador do PSB, para requerer que ele cumpra com o compromisso de firmar parcerias com a cidade, o que não aconteceu.

A forma como o governador tratou CG com desprezo na gestão peemedebista deixou a população indignada, conforme observou o senador. Vital ressaltou que o socialista foi ingrato com a cidade que lhe deu a vitória, só resolvendo aparecer agora quando o governo mudou. “Ele foi eleito para governar para todos
independentemente do gestor que estava ocupando o cadeira do Palácio do Bispo. No mínino deveria ter estabelecido uma relação institucional”,¨observou.