Fale Conosco

O governador reeleito Ricardo Coutinho (PSB) sofreu mais uma penalidade da Justiça Eleitoral. Desta vez, a juíza auxiliar da Propaganda Eleitoral, Antonieta Lúcia Maroja Arcoverde Nóbrega, multou o socialista em R$ 93 mil por descumprir decisão judicial que determinou a retirada de propaganda eleitoral irregular.

“Percebe-se pela petição atravessada nos autos pelo representante, que houve descumprimento da decisão liminar, uma vez que as inserções continuaram a ser veiculadas, mesmo após a intimação dos representados, cabendo, neste caso a aplicação das astreintes fixadas na medida de urgência”, despachou.

A ação foi interposta pela coligação ‘A vontade do povo’, que teve como candidato a governador Cássio Cunha Lima (PSDB) que acusou o socialista de utilizar computação gráfica na propaganda eleitoral.

Para a magistrada, a veiculação da propaganda causou prejuízo às candidaturas e ofendeu o princípio da isonomia que deve nortear a disputa entre todos os candidatos disputantes do pleito.

“É perceptível, portanto, que a propaganda atacada foi produzida com o emprego de imagens externas, recurso este expressamente vedado na propaganda aviada por meio de inserções”, sustentou.

Ontem, a juíza Antonieta Lúcia Maroja Arcoverde Nóbrega aplicou uma multa de R$ 69 mil ao governador sob a mesma acusação. As duas multas somam R$ 162 mil.

Blog do Gordinho