Fale Conosco

O deputado Anísio Maia (PT/PB) provou hoje em plenário que o governador Ricardo Coutinho não está planejando aumento para os funcionários públicos do Estado em 2012 como havia anunciado. De acordo com o parlamentar, o orçamento enviado pelo poder Executivo à Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) é uma cópia dos orçamentos dos governos passados, e não acrescenta nada à Paraíba.

“O orçamento que o Governo deseja aprovar nesta casa não tem nada de novo para o Estado. Ele repete os orçamentos dos governos anteriores. Se observarmos os valores que dizem respeito à Administração Pública, perceberemos que o Governo reservou um aumento de 5,9%. O orçamento anterior era de R$ 466 milhões. Em minha opinião, este aumento é absolutamente insuficiente para cumprir a promessa que o governador já fez várias vezes, mas que ninguém acredita: a de que haverá aumento para o funcionalismo público no próximo ano”, disse.

Segundo Anísio Maia, o Governo terá que escolher entre o reajuste dos funcionários públicos, fazer novos concursos públicos e efetivar os já aprovados em concursos anteriores. “Se o Governo realizar o reajuste, não terá nenhum concurso público e nem será efetivado nenhum concursado na Paraíba. O orçamento apresentado reserva apenas R$ 25 milhões para esta gigantesca operação. É importante ressaltar que já há um concurso anunciado da Secretaria de Educação para mil concursados. Uma vez aprovados e levando em conta o teto da Educação, eles vão custar aos cofres públicos algo em torno de R$ 12 milhões. Então, dos R$ 25 milhões vai sobrar R$ 13 milhões. O que faremos com isso? É possível dar reajuste para todos os funcionários públicos com estes 13 milhões? Mais uma vez o Governador está querendo enganar a opinião pública e os funcionários”, explicou o petista.