Opinião Polêmica

Ricardistas querem calar imprensa com verba pública

O colunista Tião Lucena, ex-secretário executivo de Comunicação e defensor assumido do ex-governador Ricardo Coutinho, postou nas redes sociais um estranhamento a este Blog fazer críticas a Ricardo e possuir um banner de divulgação de uma campanha do Governo da Paraíba.

Na verdade, nós é que estranhamos o estranhamento de Tião. Em primeiro lugar, porque desde a época que ele era secretário executivo de Comunicação, que o nosso Blog divulga as ações do Governo através de um banner institucional. Portanto, nada de escondido, assim como vários outros o fazem na Paraíba.

O estranho disso tudo é Tião não saber e só agora mostrar-se surpreso. E apenas com
nosso Blog. Das duas uma: ou era um secretário totalmente ausente e não sabia o que ocorria em sua pasta e, portanto, mereceu a demissão por parte do governador, ou não tinha a menor afinidade com o ex-secretário Luis Torres, a ponto deste esconder dele até os contratos de divulgação do governo.

Outro ponto que chama atenção no estranhamento tiaolucenez é que ele defende abertamente que quem veicular um banner do Governo não pode criticar o ex-governador Ricardo Coutinho. Creio que nem o atual governador João Azevedo está imune a críticas e elogios, independente de a Secom estadual divulgar ou não banner em sites e blogs.


Antes de ser falta de republicanismo ( uma palavra tão gasta e hoje tão cara ao chamado Jardim Girassol), Tião mostra um
profundo preconceito aos pequenos empresários de Comunicação, detentores de sites e blogs como assim como ele, e sobreviventes desta selva midiática.

Por que ele não cobra, por exemplo, dos grandes Sistemas de Comunicação, como Arapuan, Correio e Cabo Branco, que recebem centenas de milhares de reais por mês e escancaram a Operação Calvário e outras peraltices mais do ex-governador Ricardo Coutinho e assemelhados?


Cartas para o Blog do Tião. Ou seria melhor para um escritório luxuoso perto do Sebrae, no Bairro dos Estados?

Em tempo: cuidado com o colesterol, Tião! Lamber em excesso despela a língua e os eggs do lambido.

Dércio Alcântara

Tags: Tags: