Fale Conosco

A exclusão da cidade de Carrapateira do programa Caminhos da Paraíba gerou revolta nas lideranças políticas do sertão paraibano com o governador Ricardo Coutinho.

Segundo o site Diário do Sertão, o ex-deputado Jeová Vieira Campos (PT) disse que o governador errou em não incluir o município nas obras de pavimentação asfáltica.

“Eu não posso ficar calado diante da exclusão aleatória de Carrapateira. Este município criado há 50 anos, está isolado, e tem uma série de problemas por não ter acesso. Era bom que o governador tivesse um tempinho e fosse até lá para ver a realidade deste município.” Disse.

O ex-deputado também criticou a falta clareza do governador com relação ao Hospital regional de Cajazeiras e cursos de saúde de UFCG e da Faculdade Santa Maria, que precisam de uma rede de saúde favorável na cidade para que os alunos possam estagiar.

“Ele entrou mudo e saiu calado em relação aos cursos de saúde de Cajazeiras. A rede é publica não é privada, precisa dar suporte a estes estudantes. Fiquei plenamente entristecido com dois pontos: a ausência de política para fortalecer os cursos de saúde da cidade e o Hospital regional, que é fundamental enquanto instrumento. E quanto a estrada de Carrapateira, a corda sempre quebra do lado mais fraco.” disse Jeová.

Mas não foi só Jeová Campos que se revoltou.

O prefeito de Carrapateira, Dedé de Zé Pereira (PTN), também lamentou que a cidade mais uma vez ficou de fora das ações de Governo. “Vamos continuar aguardando, um dia nosso sonho se realiza”. Disse.

Outro que não gostou de ver sua cidade excluída do programa de estradas do Governo do Estado foi o prefeito de Vieirópolis, Marcos Pereira (PTB). Ele e o vice-prefeito, Antônio de Braga, deixaram chateados o auditório da UFCG em Sousa, onde estava acontecendo a entrevista coletiva de Ricardo Coutinho.