Fale Conosco

Mesmo com o cheiro de poder em contagem regressiva e uma crise no encalço para dificultar a gestão da máquina do estado, o governador é o maior cabo eleitoral da Paraíba. Mas, por gentileza, me digam quem é João Azevedo no jogo do bicho para querer cantar de galo e dizer que tem roteiro, história e luz prórpia?

Eu já disse aqui duzentas vezes que a candidatura de João Azevedo só existe para a távola redonda que arrodeia RC e que o prefeito de João Pessoa deveria ignorar as bravatas do sósia, pois como refugo se enquadra na categoria de figuras menores.

No entanto, rato de laboratório João não é e foi a SECOM estadual quem bancou esse rótulo para artificializar uma polarização entre Cartaxo e Azevedo.

João Azevedo, o co-piloto do governador na gestão, é na verdade uma experiência genética única no mundo político. Pela primeira vez um líder político assume a sua extrema vaidade e usa a proveta de um laboratório para deixar o seu candidato exatamente igual a si.

João, meu amigos, não é um rato de laboratório, uma criatura sem status no mundo dos vivos, mais uma réplica perfeita do criador.

E, como tal, cabe a ele replicar todas as características da matriz que foi copiado.