Fale Conosco

Unidos venceremos. Parece que é esse o sentimento dos aliados que foram e andam sendo humilhados para tentar derrotar o rei Ricardo Coutinho (PSB). É que depois da baixa na campanha ao perder o apoio do prefeito Luciano Agra, que se desfiliou da legenda e literalmente reagiu às ordens do governador, agora parece que é o DEM quem também vai se rebelar.

O partido liderado na Paraíba pelo ex-senador Efraim Morais tentou cobrar a vice na chapa do PSB, mas até agora não recebeu uma sinalização positiva e, para não levar uma rasteira do ditador, já cuidou de por em prática um PLANO B. O fato é que o DEM já tem um filiado de peso com toda a documentação pronta para lançar candidatura própria na Capital e esses documentos podem ser registrados a qualquer momento na Justiça Eleitoral já que está tudo conforme manda o figurino.

O ex-deputado federal confirmou, já ter em mãos, toda a documentação necessária para registrar sua candidatura. “Estou com todas as certidões e até o plano de governo como determina a legislação eleitoral”, antecipou. Segundo o Major Fábio, o jogo político pela Prefeitura de João Pessoa zerou novamente. “Os recentes fatos mostram que o jogo zerou de novo. Agora, o DEM, precisa ter seu candidato próprio e eu estou à disposição do meu partido e levarei meu projeto à convenção municipal que será realizada nos próximos dias”, disse.