Fale Conosco

O vereador mais votado de João Pessoa, Raoni Mendes, do PDT, concedeu uma entrevista coletiva, no final da manhã desta sexta-feira (05), onde revelou os motivos de sua adesão à candidatura ao governo do senador Cássio Cunha Lima (PSDB). O pedetista não concordou com os rumos do seu partido, que ficou com Ricardo Coutinho (PSB), porque disse que o estado precisa de “uma reconciliação com a política”.

“Eu não poderia ir contra o povo”, afirmou Raoni confirmando suas divergências com a própria legenda, que na Paraíba tem como presidente Renato Feliciano, filho de Lígia Feliciano, candidata a vice-governadora pela chapa socialista.

Cássio também falou sobre o apoio recebido. “O gesto que estamos presenciando tem um aspecto muito importante tendo vindo de um político atuante e como mais votado de João Pessoa. A chegada de Raoni  é muito importante para o novo projeto de governo para a Paraíba”, falou.

BG