Fale Conosco

Quem são os urubus que sobrevoam os céus de Campina nesse momento de dor para a família do engenheiro Roberto Cantalice? Quem são os aproveitadores da tragédia alheia, que, insensíveis ao choro dos familiares e amigos, já querem politizar o drama da vida real?

Nem todo mundo aguenta pressão. Nem todo mundo tem a cara de pau e o sangue de barata para suportar sem traumas acusações sem provas, principalmente gente decente, como era o engenheiro que tombou vítima das ensandecidas e rancorosas declarações de Rennan Trajano.

Quem deve e não quer pagar reage da mesma maneira tresloucada dos algozes que montaram uma operação de guerra para atacar a honra de gente como Roberto Cantalice, Veneziano e o ministro Vital. Execram a honra de suas presas na mídia, montam uma CPI política e depois se colar, colou.

Gente de bem, não. Sofre a dor dos injustiçados contrito e sente no peito o peso das agressões desmedidas.

Mas, se vocês acham que o primeiro inocente basta para a sanha dos agressores da honra alheia, saiba que o mau caratismo venal não tem medida e quanto mais vítimas fizer, mais potencializada estará a mentira que precisa ser contada muitas vezes para se tornar verdade absoluta.

Até quando Campina se iludirá com as mentiras de quem, por não ter o que mostrar, quer desmoralizar quem tem?