Fale Conosco

Apesar do estardalhaço e espetacularização, sempre achei muito bem montadinha toda aquela ação que culminou no flagrante e prisão do ainda prefeito de Bayeux, Berg Lima, cujo processo de cassação na Câmara foi interrompido ontem por uma decisão do TJ.

Me incomoda o fato de um prefeito ainda tá preso por causa de três mil reais e muitos que roubaram e roubam milhões circularem pelos ambientes sociais e de poder dando as cartas, bancando o jogo.

Não quero ser advogado do diabo e vir aqui dizer que Berg é um santo, mas ouso dizer que ele é vítima de um golpe muito bem arquitetado pelo seu vice prefeito, que seguiu os passos de um outro cérebro, esse sim ainda incógnita e mentor intelectual.

Sabe-se que existe um áudio comprovando a trama e que um jogo de empurra nos bastidores pode trazer essa verdade incontestável à tona a qualquer momento, pois ninguém consegue enganar todos, inclusive a imprensa e o Judiciário o tempo todo.

Ainda não posso citar nomes, mas já tenho em meu poder para uso no momento adequado, o passo a passo da trama contra Berg, um áudio bombástico e um vídeo, quem tramou e quanto quem armou levou pra macular a vida de Berg sem piedade.

Berg Lima foi sim vítima de uma trama e caiu feito um patinho por ser amador e os algozes profissionais.

Agora com a interrupção do processo de cassação ficaram o vice golpista e os arquitetos do golpe com aquele friozinho na Barriga, pois sabem que a qualquer momento Berg voltará.

E, anotem, voltará nos braços do povo e mais rápido do que se imagina.

 

 

Dércio Alcântara