Fale Conosco

O Partido Verde (PV), partido do atual prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo e de sua candidata a sucessão, Edilma Freire, declarou em nota divulgada nesta quarta-feira (18) que irá adotar a posição de neutralidade para o segundo turno das eleições municipais.

De acordo com o texto divulgado, o partido assumiu essa postura por entender que os dois candidatos que passaram para o segundo turno, Cícero Lucena (Progressistas) e Nilvan Ferreira (MDB), “não representam os ideais e o modelo de gestão adotado pelo PV”. Também na nota, o PV garante “oferecer às informações necessárias para uma transição transparente e segura à equipe designada pelo prefeito que vier a ser eleito pelo povo de João Pessoa”. Veja abaixo a nota na íntegra.

Partido Verde de João Pessoa (PV)

Nota

Segundo turno

PV declara neutralidade e garante transição segura e transparente

As eleições municipais deste ano de 2020 ocorrem em um momento difícil da democracia brasileira. 

Apesar do cenário de dificuldades, 14 candidatos disputaram o eleitorado da Capital.

Entendemos que os dois  candidatos que passaram ao segundo turno não representam os ideais e o modelo de gestão adotado pelo PV.

O próximo prefeito encontrará as contas da Prefeitura em dia, com equilíbrio fiscal e financeiro. E mais: 100 milhões de dólares em caixa, para investimentos em infraestrutura e desenvolvimento, oriundos de um financiamento duramente conquistada junto ao BID, que atesta a transparência, a seriedade e a competência de nossa gestão nos últimos 8 anos. 

O prefeito que for escolhido neste segundo turno vai encontrar uma máquina enxuta e eficiente, com a folha de pagamento em dia, escolas, creches, praças, parques e policlínicas reformados, três novas UPAs, o primeiro Centro de Educação Integrada pronto para receber os alunos, comunidades da periferia asfaltadas e iluminadas, pontos turísticos recuperados e valorizados, além de um corpo capacitado de funcionários e prestadores de serviços.  

Neste cenário, o PV do atual prefeito Luciano Cartaxo e da candidata Edilma Freire se sente à vontade para declarar neutralidade neste segundo turno.

Nosso compromisso agora é oferecer às informações necessárias para uma transição transparente e segura à equipe designada pelo prefeito que vier a ser eleito pelo povo de João Pessoa.