Fale Conosco

A insistência do deputado estadual Anísio Maia (PT) em permanecer com a candidatura própria à prefeitura de João Pessoa pode custar sua filiação no partido. Isso porque a Comissão interventora do Partido dos Trabalhadores em João Pessoa, através da Secretária Nacional de Organização do PT, Sonia Braga, encaminhou para a Executiva Nacional pedido para o parlamentar deixar a legenda sob a alegação de flagrantes violações à disciplina, fidelidade e ética partidária.

Os dirigentes nacionais querem apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho à Prefeitura da Capital, mas se mobilizaram tarde e Anísio já havia sido oficializado candidato pelo partido, entendimento da Justiça Eleitoral, que manteve a candidatura do petista mesmo após reclamações do diretório nacional.

Agora, o pedido feito pela legenda solicitando a expulsão de Anísio será analisado pela instância nacional, levando em consideração o acordo aprovado pelo Diretório Nacional, que reserva à Executiva Nacional o referendo sobre as decisões que envolvem a definição de candidaturas, e que estaria sendo desrespeitado pelo deputado Anísio e pela Direção Municipal do PT que foi destituída no dia 14 de outubro de 2020.

A Comissão interventora afirma que tais medidas foram tomadas “como forma de tentar minorar os prejuízos causados pelo Deputado Estadual Anísio Maia, que busca insistentemente embaraçar a candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho e a tática eleitoral legitimamente aprovada pelo Diretório Nacional do PT”.

Veja o pedido na íntegra do PT nacional: