Fale Conosco

Como diz aquela campanha de combate à AIDS, quem vê cara não vê coração. Muito bem avaliada e blindada, a gestão Ricardo Coutinho prega a postura ética e o governador se diz republicano, mas, diferente da teoria, a prática é um escárnio à legislação eleitoral.

Desafio o MPE a iniciar hoje uma investigação e duvido que ao final o registro da candidatura de João não seja cassado.

Desde a presença maciça de servidores públicos nas ruas, obrigados que são, após o expediente durante a semana e mais ainda a contragosto nos finais de semana, como os que flagrei a pouco no Bahamas, aos altos custos da campanha milionária, que não cabem no orçamento determinado pelo TRE.

Duvido que haja fair play na campanha de João e se o MPE quiser chegará rápido ao caixa, ou a caixa, que opera tudo.

Dércio Alcântara