Notícias

PSB da Paraíba não poderá ocupar espaços no governo Dilma

Os aliados do governador Ricardo Coutinho, filiados ao PSB, não poderão participar do governo da presidente Dilma Rousseff (PT), apesar de terem apoiado a petista no segundo turno das eleições deste ano.

A decisão foi tomada nesta quinta-feira (27), durante reunião da Executiva Nacional do partido, em Brasília. O assunto foi destaque no jornal ‘Folha de S.Paulo’ desta sexta-feira (28).

“Na PB, o partido do governador reeleito Ricardo Coutinho (PSB) não ocupou cargos federais no último mandato, quando esteve distante do PT e próximo ao PSDB no cenário local. Agora, quando ganhou as eleições ao lado do PT, não poderá participar do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff”, diz a publicação.

Durante a reunião, Ricardo destacou que é necessário retirar o Brasil dessa dicotomia nefasta de uma oposição ressentida com a derrota e que tenta a todo o custo inviabilizar o país. “O partido não pode se tornar um apêndice de uma oposição atrasada, de origem Udenista, e que não têm o que contribuir para o Brasil. É necessário uma apuração rigorosa do caso da Petrobrás pela Polícia Federal e a Justiça, mas não dá para limitar a pauta da oposição, do governo e do Congresso a isso”.

BG