Fale Conosco

O governo federal enviou ao Congresso Nacional a previsão de R$ 1.088 para o valor para o salário mínimo em 2021, sem aumento real. O piso salarial hoje é de R$ 1.045.

A estimativa leva em conta a projeção do Ministério da Economia para o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) de 2020, de 4,11%. O indicador é usado pelo governo para reajustar o valor do salário mínimo.

Em abril, quando enviou a PLDO (Proposta de Lei de Diretrizes Orçamentárias), o governo estimava que o salário mínimo para 2021 ficaria em R$ 1.079. Porém, a inflação acima do esperado obrigou o governo a rever o valor.

O salário mínimo para 2021 só deve ser confirmado em janeiro, quando o governo terá os dados consolidados da inflação de 2020.

Para reajustar o salário mínimo, o governo considera o INPC, índice do IBGE que mede os preços para famílias em áreas urbanas com rendimentos de um a cinco salários mínimos. Porém, o governo considera como inflação oficial o IPCA, também medido pelo IBGE, mas que aponta a variação do custo de vida médio de famílias com renda mensal de 1 e 40 salários mínimos.

Até novembro, o INPC acumulava alta de 3,93%, enquanto o IPCA tinha subido 3,13%. Assim, o índice que reajusta o salário mínimo deve ficar acima da inflação oficial.

UOL