Fale Conosco

Eu sei que os professores do estado estão com salários pra lá de defasados e que entra governo e sai governo e a categoria nunca recebe a atenção que merece.

Mas, ponderem, o movimento está organizado para sustentar a pressão de uma greve por tempo indeterminado?

Atendendo chamamento do Sintab os professores param em advertência nesta terça e quarta. Razões há de sobra. Nunca vi em toda minha vida um início de ano letivo tão atordoado. É uma coisa de incompetência mesmo.

Mesmo assim, preocupo-me com a precipitação de uma posição mais radical, que poderá comprometer a credibilidade das lideranças.

Profissional da agitação, o governador joga com as mesmas armas dos movimentos sociais e usa o terrorismo extremo para esfacelar as tentativas de greve, como fez com os policiais. O governador já fez avisar que cortará o ponto dos dias parados. Vai engossar, resumindo.

Se a categoria está pronta para comer o pão que o diabo amassou entre em greve; se acha que vai ser melzinho na chupeta mantenha-se aos troncos e barrancos na sala de aula para garantir o mínimo de educação para quem tem filho em escola pública.

O jogo é duro e o adversário é cruel. Vão ou não vão encarar?