Fale Conosco

A Prefeitura Municipal de Campina Grande vai disponibilizar mais de 300 homens e mulheres da segurança privada com detectores de metal nas entradas e saídas do Parque do Povo, durante as festividades do Maior São João do Mundo deste ano. Além disso, serão instaladas mais de 50 câmeras de monitoramento que serão instaladas em pontos estratégicos do “Quartel General do Forró”.

A garantia foi dada na manhã desta terça-feira, 17, durante reunião do prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo com os dirigentes de órgãos de segurança do Estado.

O encontro, ocorrido no salão nobre do Palácio do Bispo, também contou com a presença de auxiliares do prefeito, entre eles o secretário Gilson Lira (Desenvolvimento Econômico), Hermano Nepomuceno (secretário Executivo), Marisa Agra (secretária-adjunta da Saúde), Bernadete Farias (secretária-adjunta de Educação), STTP (Salomão Augusto), entre outros.

O prefeito Veneziano Vital, ao abrir a reunião, agradeceu a presença de todos, destacando a necessidade e a importância da realização de um trabalho conjunto entre os órgãos municipais e os setores da segurança pública visando garantir o sucesso do principal evento turístico da Paraíba. “Será com a participação de todos os segmentos públicos, mais o apoio da sociedade, que teremos a garantia de um evento marcado pelo sucesso e a tranquilidade, marcas do nosso São João”, disse Veneziano.

Em seguida, cada autoridade presente fez uso da palavra, havendo um relato de como será operacionalizado o trabalho de segurança ao longo dos trinta dias de festa. Todos garantiram reforço policial na festa, integração das forças policiais, instalação de equipamentos de segurança e monitoramento na área do Parque do Povo, emprego de aparelhos e equipamentos para detecção de armas, além da implantação do chamado “Juizado do Forró”, sendo este uma iniciativa do Poder Judiciário e da PMCG. O referido juizado vai funcionar no Museu Vivo de Ciência e Tecnologia.

Para o secretário Gilson Lira, este tipo de reunião é extremamente proveitoso, levando-se em conta que a PMCG realiza um trabalho de preparação e planejamento profissional para o evento. Por isso, tudo é previamente estabelecido, mediante estratégias que possibilitem um evento grandioso e, ao mesmo tempo, seguro.

Entre as autoridades do setor de segurança pública, estavam presentes Márcio Leandro (NUMOL); capitão Wherick Lima (GATE); Wagner Dorta (delegado regional da Policia Civil); tenente-coronel João da Mata (2º. BPM); capitães Onassis, Hilmarton e Fábio, representando, respectivamente, o 3º. Esquadrão de Policia Montada, CPTRAN e Corpo de Bombeiros; representante do Fórum Afonso Campos, além de outros órgãos.

Engenharia de segurança – Os órgãos responsáveis por garantir a tranquilidade da festa divulgaram seus planos de segurança. A execução do trabalho acontecerá com a integração de todos os órgãos, com destaque para a extensão do planejamento de segurança para a cidade por completo, inclusive aeroportos e o terminal rodoviário.

De acordo com o comandante do 2º BPM, Coronel João da Mata, serão 600 policiais militares nos dias de maior fluxo de pessoas no Parque do Povo, nas quintas, sextas, sábados e domingos.

A Polícia Civil estará com a 2ª Delegacia Distrital, 01 Delegacia Móvel no Parque do Povo, policiais de plantão no Juizado do Forró, além da estrutura da Central de Polícia. Serão 100 policiais nas noites de maior movimento, além de delegados e escrivãos.

Na estrutura do Corpo de Bombeiros estarão 40 militares, 04 viaturas e 01 posto de comando.

A CPTRAN irá dispor da companhia de trânsito e da companhia de patrulhamento rodoviário. Esta última irá atuar nas BR’s. Já a STTP estará com 100 agentes de trânsito, e colocará em funcionamento durante 24 horas, de sexta a domingo, o Terminal de Integração.

O Esquadrão da Polícia Montada estará presente com a cavalaria no perímetro e nas ruas adjacentes ao Parque do Povo, inclusive nas paradas de ônibus. O GATE atuará na prevenção e resolução de problemas decorrentes com artefatos explosivos.

Com assessoria