Fale Conosco

Durante a campanha municipal de 2020, o então candidato Leo Bandeira criticou o familismo na prefeitura de Lucena, prometendo que não iria nomear parentes na sua gestão e ainda acabaria com o cabide de empregos. Mas ao assumir a prefeitura, Leo fez pior que o seu antecessor e nomeou a esposa Andreia Karla para a secretaria de Ação Social; a madrasta Severina Bandeira para a secretaria de Saúde; a irmã Luana Bandeira como subprocuradora; e outra irmã, Luciana Bandeira para a subsecretaria de Ação Social.

Leo Bandeira também nomeou o filho da sua madrasta, Rogério Falcão, para a procuradoria. Também há a informação que o prefeito tenha nomeado um cunhado, Elinaldo, em seu gabinete.

Em apenas 20 dias de gestão, Leo Bandeira já revela a sua verdadeira intenção: vai usar a prefeitura para arrumar empregos para os familiares.

Confira algumas portarias de nomeação: