Fale Conosco

A eleição de 2014 acabou? Depende. Para os grupos rivais que disputam espaço no Governo Federal, não. Pelo menos foi o que noticiou o jornalista Felipe Patury, da Revista Época, em seu Blog. Segundo Felipe, a cúpula estadual do PMDB da Paraíba vem tentando barrar eventual retorno do deputado Aguinaldo Ribeiro ao Ministério das Cidades.

A lógica seria a seguinte: como o PMDB da Paraíba se aliou ao PT e apoiou a presidente Dilma, na última eleição, nos dois turnos da disputa, e Aguinaldo ficou com a candidatura do tucano Cássio Cunha Lima, inclusive no segundo turno, os peemedebistas entendem que ele seria, digamos, premiado mesmo estando no palanque tucano.

Eis o que diz o jornalista: “O comando do PMDB da Paraíba quer impedir que o deputado Aguinaldo Ribeiro(PP) volte ao Ministério das Cidades. Ribeiro deixou o cargo para concorrer à reeleição. Como o PT da presidente Dilma Rousseff aliou-se no estado ao PMDB, seu adversário, Ribeiro apoiou o presidenciável tucano Aécio Neves. Ribeiro nega ter apoiado Aécio. Diz que sua campanha foi suprapartidária e que comemorou a reeleição de Dilma ao lado dela. Afirma também que não sonha em voltar ao ministério, como dizem seus opositores. O movimento para impedir que Ribeiro volte ao governo é liderado pelo senador Vital do Rêgo e o senador eleito José Maranhão, os principais líderes do PMDB paraibano. O grupo alega que Ribeiro seria premiado depois de ter abandonado a aliança com o PT nacional.

Mais em http://goo.gl/JldSsx.

 

Felipe Patury PMDB veta aguinaldo

Blog Helder Moura