Fale Conosco

Para uns, como o empresário Daniel Gonçalves, ele é um golpista, para o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, ele é um empresário e para o governador, Ricardo Coutinho, ele é pelo menos um fornecedor, afinal Pietro Harley Dantas, reapareceu em mais um licitação.

Depois do “escândalo dos livros”, o campinense agora faz negócios com a Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba. O montante envolvido é mais de R$ 1 milhão de reais em livros em setembro deste ano.

Em agosto, Pietro conseguiu vender R$ 73.755,00 (setenta e três mil, setecentos e cinquenta e cinco reais) através de outra firma qie ele administra através de procuração, a “Soluções Ap” que tem CNPJ: 5047867000116 e tem como proprietário o senhor Alex Feliciano Miguel, que atua como “laranja” e prestou serviços a Câmara de Taperoá (Local de onde supostamente partiram as ameaças ao empresário Daniel Gonçalves). Em 22 de outubro de 2010, logo após as eleições, o empresário disse, em boletim de ocorrência, ter sido ameaçado por Pietro, após procurar o mesmo para receber o pagamento pela venda dos livros, além disso, Daniel diz ter sido ameaçado pelo vereador do município de Taperoá, Ailton Paulo de Sousa.

Em setembro, a Soluções AP, do lobista Pietro Harley, emplacou a venda 20.400 livros “Olimpíadas de Combate a Dengue” utilizando de uma Ata de Registro de Preços da Prefeitura de João Pessoa. A operação foi assinada pelo atual Secretário de Saúde, Waldson de Sousa e custou R$ 1.003.068,00 aos cofres públicos. Outro ponto que chama a atenção no empenho feito e disponibilizado pelo TCE, diz respeito descrição da modalidade da operação: “Não Licitável (Diárias, Auxílios e Distribuições)“.

Em Campina, conhecidos de Pietro garantem que o nome da empresa é uma referência a Ailton e Pietro (Soluções AP).