Fale Conosco

Uma operação da Polícia Federal foi deflagrada no início da manhã desta quinta-feira (30) para apurar suspeita de irregularidades em contratos firmados pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) com empresas terceirizadas em João Pessoa. De acordo com a PF, são cumpridos mandados de busca e apreensão em vários endereços na capital paraibana.

Ainda segundo informações da Polícia Federal, a operação investiga supostas irregularidades na contratação de empresas prestadoras de serviços em que os processos licitatórios realizados ao longo de 2017 não atenderam à Lei de Licitações e Contratos Públicos.

Uma investigação prévia da PF constatou que algumas contratações se deram por dispensa de licitação ou contratação de emergência, sem que houvesse justificativas técnicas razoáveis para que tais modalidades de contrato fossem utilizadas.

Outro fato que chamou a atenção durante as investigações feitas pela Polícia Federal é que as empresas concorrentes nas licitações investigadas, bem como a empresa vencedora e efetivamente contratada, faziam parte de um grupo de pessoas jurídicas que pertenciam a integrantes de uma mesma família.

Os objetos e documentos arrecadados serão trazidos para a Superintendência Regional da Polícia Federal na Paraíba, para análise. G1