Fale Conosco

De besta Armando Abílio só tem aquela cara de pancadão de Woody Allen. Pós graduado em sapeca nenem, ele é aquele cara que quando os filiados do PTB iam buscar o caju ele já estava na feira vendendo o dôce. Cristalizado.

Confesso que toda vez que vejo Armando Abílio foço a memória para me lembrar qual foi sua última posição pública, pois o cara é uma metamorfose ambulante.  Sempre armando, ele é um mascate daqueles que consegue ficar rico vendendo gelo no polo norte e lareira no sertão.

Agora fico sabendo que ele armou sua bodega em frente ao Palácio da Redenção, instalou maquinetas Cielo e Redecard e quer vender o PTB a Ricardo em 48 parcelas no cheque, crediário ou cartões.

O PTB não merece esse rebaixamento e Armando só parece ter perdido o tino para querer transformar uma potência trabalhista em cacareco.

Como a esperança é a última que morre, e Abílio é de Esperança, venho aqui fazer côro com um filiado que chutou o pau da barraca hoje e chamou Armando de bodegueiro.

Honrem a memória de Getúlio Vergas, o homem que criou a CLT, e melhorem a relação trabalhista do PTB com a conjuntura política.

Que tal ao invés de só pensar no próprio bolso, Armando passar a pensar nos filiados e fazer do PTB a força que sempre foi?

O lugar do PTB só pode ser na oposição a RC e ao lado das forças que querem arrebatar das mãos do pior governador que a Paraíba já teve o destino da Paraíba.

Venho de público conclamar o sempre deputado Armando Abílio a fazer uma reflexão sobre os passos em falso que deu e que acabaram por jogá-lo ao ostracismo.

Se Abílio voltar a se amar, logo não vai mais precisar armar e voltará a ser o verdadeiro Armando que queremos.