Brasil

Pedido de Lula para anular condenação entra na pauta desta terça da turma do STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar nesta terça-feira (11) um recurso do ex-presidente Lula, que pode colocá-lo em liberdade. A sessão pode servir para mandar um recado ao ex-juiz federal Sergio Moro e à Lava Jato, após o vazamento de conversas, tidas como ilícitas pela Constituição Federal, entre Moro e procuradores da Operação.

As conversas supostamente mostrariam que Moro teria orientado investigações da Lava Jato por meio de mensagens trocadas no aplicativo Telegram. O site afirmou que recebeu de fonte anônima o material.

O recurso de Lula começou a ser discutido em abril deste ano no plenário virtual do STF, mas um pedido de destaque do ministro Gilmar Mendes no dia 12 do mesmo mês interrompeu o julgamento e fez com que o processo seja discutido agora presencialmente pelos ministros.

O colegiado fará nesta terça-feira sessões pela manhã e pela tarde, as últimas presididas por Lewandowski, que vai deixar o comando da turma, mas seguirá fazendo parte dela.

Da redação

Tags: Tags: