Fale Conosco

O Prefeito de Patos Dinaldinho Wanderley estará participando nesta quarta e quinta-feira, (27 e 28/07/2017), em Campina Grande, do II Fórum Paraibano de Gestão Pública, a convite do Conselho Regional de Administração-CRA, oportunidade em que estará recebendo o prêmio destaque de município que ficou entre os dez melhores do Estado da Paraíba na avaliação do Índice de Governança Municipal-IGM, elaborado pelo Conselho Federal de Administração-CFA.

O evento estará reunindo profissionais da administração pública de todo o estado da Paraíba e gestão patoense foi classificada como a terceira melhor do Estado, colocação obtida após avaliação bastante criteriosa pelos diversos órgãos envolvidos no processo de escolha.

A solenidade de entrega da premiação ocorrerá durante a programação do II Fórum Paraibano de Gestão, que será realizado no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba-FIEP, na cidade de Campina Grande.  
O prefeito Dinaldinho Wanderley comentou disse que recebe o prêmio num momento bastante propício para o seu governo, mas que com bastante humildade reconhece que existe muito a ser feito e Patos continuará no caminho do desenvolvimento. “É gratificante quando o trabalho começa a aparecer e nossos esforços vão continuar. Estamos apenas no início do nosso mandato e, se Deus permitir, temos tudo para fazer uma das melhores gestões que Patos já viu”, acrescentou.

O Conselho Regional de Administração classificou os dez melhores municípios paraibanos na avaliação do Índice de Governança Municipal, tendo o município de Patos ficado em terceiro lugar, perdendo apenas para João Pessoa e Cabedelo e ficando acima do próprio Município de Campina Grande, que foi classificada na sexta colocação.

Para obter a classificação, os profissionais levam em consideração o Índice CFA de Governança Municipal, que avalia a capacidade administrativa de cada gestão municipal a partir de três dimensões: Gastos e Finanças Públicas; Qualidade de Gestão; e Desempenho. Com base em dados coletados pelo Conselho Federal de Administração, através do Conselho Regional de Administração, é feita uma classificação a nível estadual, das administrações de maior capacidade e eficiência do Estado.