Fale Conosco

Os moradores do bairro do Mutirão receberão neste sábado, dia 19 de Agosto, a 3ª edição da Caravana das Boas Ações e o Orçamento Participativo, que serão realizados na antiga rua da Lama, próxima a UBS Evaristo Guedes, naquele bairro. As ações da Caravana começarão pela manhã, a partir das 8h, e se estenderão por todo o dia. A partir das 18h começam as inscrições para a realização da plenária do Orçamento Participativo, previsto para iniciar as 18h30.

Estes eventos são realizados pela Prefeitura de Patos e tem como principal objetivo levar as ações da administração municipal para a população, bem como ouvir as reivindicações dos moradores daquela região. De acordo com a Chefe de Gabinete, Isis Carla, esta é uma ação que a Prefeitura adotou e que vem dando muito certo, onde estarão presentes profissionais das secretarias de Saúde, Educação, Desenvolvimento Social, Infraestrutura, Agricultura, STTRANS, PROCON, entre outras secretarias.

“Nesta edição nós vamos abraçar a comunidade do bairro do Mutirão. Nós estudamos toda a comunidade para ver a viabilidade de atender as necessidades que aquela comunidade está pleiteando. Toda a Prefeitura estará lá e todas as secretarias estarão prestando os seus serviços a população”, destacou.

O secretário de Planejamento, Nilton Domiciano, fez um convite para que toda a população da zona Sul de Patos que compreende os bairros do Alto da Tubiba, Alto da Bela Vista, Mutirão, Jatobá, Jardim Santa Cecília, Monte Castelo, Nova Conquista e conjunto dos Sapateiros se façam presentes no Orçamento Participativo.

“Convidamos toda a população da Zona Sul para que toda a população participe, não só da Caravana das Boas Ações, mas também do Orçamento Participativo porque nós precisamos ouvir as populações destes bairros para que tragam suas sugestões e reivindicações porque isso é importante para a Prefeitura e para a população também”, comentou.

Na plenária do Orçamento Participativo os moradores daquelas comunidades terão a oportunidade de oferecer sugestões a serem incluídas no Orçamento de 2018, no sentido de atender as necessidades de suas comunidades.

 

 

Fonte: Ascom PMP