Fale Conosco

O governador precisa entender duas coisas. A primeira é que obras de mobilidade não podem se resumir a construção de viadutos e alargar ruas, pois logo mais carros estarão circulando e o congestionamento se agravará.

Só o investimento em transporte de massas amenizará o impacto da dificuldade de locomoção. Um monotrilho ligando toda a zonal sul ao centro, por exemplo, resolveria de fato.

A segunda coisa que RC precisa entender é que a Paraíba não se resume a João Pessoa e o fato de ter concentrado o investimento pesado em um só município deixou os outros 222 só na plateia.

E agora vem o agravamento da crise, o viaduto do Geisel é um sugadouro de verbas, as estradas novas já estão esburacadas, as demandas de Campina em banho maria e o cofre do governo vazio e sangrando para bancar uma folha de cabos eleitorais de mais de 700 milhões. Vejo demissões e atraso a curtíssimo prazo.

Obcecado pela vitória em João Pessoa, não teria Ricardo Coutinho errado e o secretário de Planejamento, justamente, planejado mal?

Desconfio que o erro estratégico de Ricardo Coutinho e do auxiliar João Azevedo colocou toda a Paraíba em maus lençóis.

Apertem os cintos que o piloto e o co-piloto cometeram um grande erro.