Fale Conosco

Em 2013, a Paraíba registrou 10.728 crimes (29 casos por dia) tentados ou consumados, sendo os mais recorrentes os crimes contra o patrimônio (4.496 casos), contra a pessoa (2.156) e envolvendo entorpecentes (1.898). Os dados são do Anuário Brasileiro da Segurança Pública 2014, divulgados ontem pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Segundo a pesquisa, o estado registrou no ano passado 1.545 mortes por agressões e 80,7% delas foram cometidas com o uso de arma de fogo. A Paraíba é o terceiro estado do país onde mais de mata dessa forma, atrás do Ceará e Alagoas. O estudo mostra outro dado preocupante: os roubos aumentaram 6,43% (passando de 3.932 para 4.185).

Conforme o estudo, o percentual destas mortes em relação ao total de óbitos por agressão aumentou de 80,5% em 2012 para 80,7% em 2013.

Do total de óbitos por agressão em 2013 na Paraíba (1.545), 1.247 (80,7%) foram com armas de fogo. As duas faixas etárias em que mais paraibanos morrem por agressão são de 15 a 24 anos (599 mortes ou 85,8 para cada 100 mil habitantes na faixa etária) e com 30 anos ou mais (614 ou 31,3 para cada 100 mil habitantes na mesma faixa etária).

Do Jornal Já

Blog do Gordinho