Fale Conosco

No Brasil existe a máxima de que o ano só começa efetivamente após o carnaval. Depois dos festejos de Momo é que a vida real começa as pessoas se dedicam ao trabalho, estudos e etc. Mas, na Paraíba vai acontecer o contrário. Setores fundamentais estarão com atividades paralisadas.

O Governo do Estado não consegue costurar a colcha de retalhos sem que alguma parte fique descoberta. A imagem que me vem à cabeça é de um pai que chega para os filhos e diz que precisa reduzir os gatos da casa, pois está sem dinheiro, e os retira da escola, coloca-os para dormir na rua e ordena que eles não adoeçam por hipótese alguma.

Os eleitores que elegeram o socialista Ricardo Coutinho acreditavam na mudança, mas não esperavam que fosse pra pior. Policiais Militares e Corpo de Bombeiros em greve, restante da categoria com greve anunciada para sexta-feira (04), delegados prometendo começar paralisação amanhã, escolas sem professores e médicos ameaçando paralisar pós-carnaval.

Ou seja, três setores parados por causa da birra de Ricardo Coutinho.

Neste caso, nos resta torcer para que a mudança de fato aconteça e que possamos assistir dias melhores para a Paraíba, mas para que isso aconteça é preciso arregaçar as mangas e fazer valer a nossa voz.