Fale Conosco

Na última quinta-feira(02) o pároco da Igreja Matriz de Nossa Senhora das na cidade de Artur Nogueira no interior do estado de São Paulo afirmou com todas as letras aquilo que a parcela com sanidade da população brasileira percebeu: “Bolsonaro não presta”. Em sua pregação o padre lembrou aos seus fiéis que Cristo morreu por dizer a verdade e assim falou a verdade questionando a forma péssima que o atual governo combate a pandemia do novo coronavírus.

Fiéis tentaram demover o padre de sua posição. Até a sua mãe! se posicionou contra ele. Tal qual Maria que tentou convencer a Cristo para que ele parasse de pregar, a mãe tentou convencer o padre para que ele parasse de criticar o presidente. Assim como no primeiro caso o conselho de mãe não surtiu efeito.

O Padre Edson Tagliaferro em seguida chamou o presidente de bandido e aqueles que o elegeram de bandidos ao questionar se ele devera calar-se mesmo vendo que o governo não presta apenas porque alguns não desejam ouvir a realidade. “Um país que já chegou a 60 mil mortos pela pandemia, e não temos um ministro da Saúde. Vocês querem que eu fale o quê? Aquilo que todos falam, ‘ah, ele não trabalha porque não deixam ele trabalhar’. Não! É porque ele não presta. Bolsonaro não vale nada!”.