Fale Conosco

A notícia abaixo saiu hoje na versão online da Revista Veja de hoje mostra que truculência de segurança acontece em qualquer lugar, seja aqui ou seja acolá.

Só que aqui eles são mais arrogantes, bombados e não arredeam o pé da “arrogância que lhes foi conferida” pelo arrogante de plantão.

Para o senador Cícero Lucena felizmente o segurança do cerimonal do Palácio do Planalto foi mais prudente e consertou a mnancada a tempo.

“BARRADO NO PLANALTO

Sou senador!

Cícero Lucena quase teve uma síncope ontem à tarde, na chegada para a posse de Aguinaldo Ribeiro, quando um segurança do Palácio do Planalto barrou sua passagem e exigiu o broche do cerimonial da presidência (entregue aos convidados que estão com o nome na lista).

Vendo que não havia sido reconhecido pelo segurança, Cícero, senador pelo PSDB da Paraíba, arregalou os olhos e disparou:

– Eu sou um senador da República!

Anúncio feito, Cícero foi liberado.

Por Lauro Jardim

Vejaonline”