Notícias

O que levou João Pessoa a subir 19 posições até ficar entre as 10 mais violentas do mundo em dois anos?

A mesma ONG Seguridad Jsticia y Paz que conferiu a João Pessoa o desagradável posto de décima cidade mais violenta do mundo, fato que foi amplamente divulgado a partir de uma reportagem veiculada na rede CNN, cruzou dados em 2010 e nos colocou no vigésimo nono lugar.

A pergunta que se faz é a seguinte: o que aconteceu nesses dois anos e três meses para saltarmos dezenove posições e, caminhando em marcha a ré, chegarmos ao inacreditável décimo lugar?

Não que vigésimo nono seja uma posição confortável,  pois no meio de milhares de cidades que existem está entre as trinra mais barra pesada já é demérito. 

Mas, no espaço de vinte quatro meses descer e ficar entre as dez mais é muito preocupante e as autoridades devem levar a sério o levantamento e mergulhar nas estatísticas para frear a onda que se alastra.

Nesse contexto, cabe ao governador Ricardo Coutinho convocar seus auxiliares e reciclar sua política de Segurança Pública. 

Antes deve ele mesmo repensar o tratamento dispensado a força policial,  escurraçada e humilhados, assim como médicos,  professores e outros servidores estaduais.