Fale Conosco

A ficha do prefeito soneca Bruno Cunha Lima ainda não caiu, mas a bomba relógio denunciada desde que as vacinas contra covid chegaram a Campina está próxima de estourar. Enquanto ele vive no seu universo particular e virtual fatos estranhíssimos corroboram com as denúncias feitas pela médica Tatiana Medeiros ao MP.

Dessa vez uma enfermeira que é proprietária de clínica particular foi assaltada e dentro do seu veículo foram encontradas 70 doses de vacinas da Fiocruz/AstraZeneca.

A pergunta é: o que essas doses faziam nesse carro?

Com a palavra o prefeito Bruno. Claro que ele só poderá responder amanhã depois das 11, quando acordar.

Dércio Alcântara.