Fale Conosco

Apesar dos panos quentes das últimas horas, onde bombeiros correm de um lado para outro para aplacar as chamas, o clima entre o governador Ricardo Coutinho e Cássio Cunha Lima azedou. Por quê? Aquela inserção do PSDB nas TVs foi querosene na lenha e quem riscou o fósforo foi um personagem que transita nos dois lados, levando e trazendo conversa feito maroca.

Conforme adiantamos aqui em um artigo, a Mix criou aquele vídeo primoroso do PSDB, onde Cássio e Cícero são pintados como gestores que fizeram muito diferente do que Ricardo vem fazendo.

Walter Santos em sua coluna no WSCOM toca no assunto e relata que Jurandy Miranda, dono da Mix, recebeu uma ligação de Nonato Bandeira querendo satisfação sobre a linha editorial e ouviu algo tipo “somos profissionais e não podemos ser culpados pelo que foi encomendado pelos clientes”. Nonato bufou.

Mas, o que Walter não disse eu vou dizer agora: é o radialista Fabiano Gomes quem circula nos bastidores criando todo esse inferno.

Feito maroca desocupada Fabiano fofoca pelo telefone com um, fofoca pelo Twitter com outro e, quando cai à noite, faz avaliações com os dois lados para saber se o circo pegou fogo ou se as labaredas ainda não estão altas o suficiente para atingir a lona.

Tenho informações seguras de que é o próprio quem anda amplificando o problema para queimar a Mix, agência que ele classifica como entrave às suas artimanhas, pois lhe atrapalhou na Assembleia, quando chegou a pedir a cabeça de Zé Maria e Jurady a Cássio, e agora pode atrapalhar os seus planos na licitação da SECOM.

Eu sei que aquele vídeo feito pelo Mix é nitroglicerina pura e recado que qualquer bom entendedor já decifrou, mas o trabalho de formiguinha venenosa que Fabiano tem feito entorna o caldo.

Trazido por Cássio lá de Cajazeiras, é normal que ele tenha gratidão por ter saído de um ambienta não recomendável para um ambiente familiar, mas o gordinho tem um apetite desmedido e fez amizades com gente do Coletivo RC e dizem que está quase convertido.

Aliás, para entregar a mercadoria que vendeu a Roberto Cavalcanti ele precisa fazer jornalismo de resultados com o principal cliente do Sistema Correio, que é o Governo do Estado. Cássio, por enquanto, não tem poder para autorizar pagamento de faturas.

Moral da história: Fabiano é aquele anjo mau no ombro de Nonato Bandeira destilando veneno 24 horas por dia. Não que Nonato seja santo, mas…te cuida Mix!