Fale Conosco

O secretário de Segurança do Estado participou de programas na rádio e TV Arapuan, durante a tarde de hoje e mais parece que ele caiu de um mundo imaginário na Paraíba. Acompanhei trechos das entrevistas que o secretário concedeu aos programas e vi o secretário se esquivando de responder sobre temas polêmicos apenas repetindo que toda a polícia está trabalhando e o Governo não precisará das Forças Armadas Nacionais.

Quando perguntado sobre quantos homens virão à Paraíba ele respondeu: “Eu acredito na Polícia Militar e sei que não vamos precisar de Forças Nacionais, amanhã vocês vão me dizer”.

Na rádio, foi perguntando ao secretário qual o plano de segurança para o carnaval, Cláudio respondeu: “o mesmo que já foi apresentado”. Ele garantiu que os foliões estarão seguros, pois existe um sistema de câmeras vigiando todo o percurso e “a polícia está toda na rua”.

A respeito de algumas gratificações que foram ofertadas a membros da Polícia Civil em troca de que eles abandonassem o movimento grevista, Cláudio garantiu desconhecer o assunto e disse que a Polícia Civil nunca esteve em greve.

Ele disse ainda que “é normal que o Ministério ofereça a tropa nacional, mas aqui não vai ser necessário”. Acho que o secretário não se lembra que foi o Governo do Estado quem solicitou as tropas e não o Ministério que ofereceu.

Como dá para perceber o secretário de  Segurança não está preparado para responder aos questionamentos, nem para negociar com policiais, e talvez nem estivesse preparado para assumir essa Secretaria. Mas, agora que está com o pepino na mão, tem que mostrar algum resultado e não ficar tentando tapar o sol com a peneira.